Ouvir Pausar

6 Dicas para vestir-se bem gastando pouco

6 Dicas para vestir-se bem gastando pouco
Camila Cavalcante, CEO e formadora na Escola de Moda Cá Cavalcante

O crescimento da demanda nas compras de roupas impressionou fabricantes e revendedores. De acordo com o IBGE, 26,2% foi a alta na produção de têxteis até o final de 2020 e com essa procura, o faturamento também aumentou, foram 63,18% de acordo com pesquisa realizada pelo E-commerce Brasil.

Mesmo com as vendas voltando ao normal, a alta nos preços dos produtos essenciais como comida e combustível, nos obrigam a economizar. Em meio a esse caos, acabamos esquecendo alguns itens também importantes, como os de vestimenta. 

É imprescindível entender que é possível vestir-se bem gastando pouco. A consultora de moda Cá Cavalcante listou 6 dicas para você economizar e continuar montando looks legais.

Entenda o que você tem no seu guarda-roupas

De acordo com Camila Cavalcante é importante entender as peças que temos. Isso nos ajuda a saber o que é realmente necessário e com isso, evitamos comprar em demasia.

“Saber com exatidão as peças que do seu armário te ajuda a entender o que você realmente precisa. Veja quais as peças-chaves que estão faltando para conseguir usar de forma versátil as que já tem. Organize suas roupas e separe-as em três: As você irá manter, as que devem ir para o conserto e outras para doação, é importante desapegar daquelas peças que você não vai usar”, explica. 

Faça uma lista de todas as peças que você precisa comprar

Muitas vezes, em passeios ao shopping, compramos coisas por impulso e sentimos esse peso somente quando as contas chegam. Camila explica que é necessário ter uma lista com tudo o que precisamos. Isso nos ajuda a reduzir essa impulsividade e nos motiva a controlar melhor os gastos.

“Deixe sempre uma lista com todas as roupas que você precisa dentro da bolsa, isso te ajuda a manter o foco e quando for ao shopping, você vai buscar pelas peças que estão te faltando. Mantenha o foco e só compre quando encontrar boas oportunidades. Não resolva sair de última hora, as vezes você não encontra na modelagem que procura ou no preço ideal. Mantenha sempre anotado”, conclui.

Aprenda a comprar pela internet

Quem não gosta de um cupom de desconto? Com o avanço da tecnologia, podemos fazer uma infinidade de coisas sem sair de casa e comprar é uma delas. A consultora de moda explica que pela internet conseguimos encontrar preços bem interessantes.

“A internet é um outro mundo e dentro dele tem excelentes oportunidades. Tenha foco e comece a pesquisar de acordo com a sua lista. Dentro desse outro universo nós temos vários e-commerces que unem diversas marcas dentro de um mesmo site, ou seja, as peças que estão ali são mais baratas que as que temos em loja física, sem contar que possuem mais diversidade e variedade”. 

 Procure sites de fabricantes:

Um atalho interessante para encontrar roupas em preços melhores é comprar diretamente com o fabricante. Cá Cavalcante explica que as taxas e os impostos são menores. Eliminar os intermediários da compra reduz custos e gastar menos é algo que buscamos constantemente, não é?

“Pense que na compra normal o fabricante, o vendedor e a loja lucram nas peças, ao comprar direto do fabricante você reduz custos. Tem muitas lojas de fabricantes que estão na internet e te possibilita economizar muito. Comprar direto da fonte é mais vantajoso.

Exemplo: Quando você compra em uma fast-fashion você está comprando da China, mas quando você vai em um site chinês, você está comprando direto do fabricante.  É besteira pensar que você não compra nada de lá, se você compra em fast-fashions, você compra da China”, explica. 

 Invista em acessórios

Colares, bolsas e pulseiras muitas vezes chamam mais atenção do que a combinação de roupas que usamos e uma das dicas para economizar é investir justamente nos acessórios.

“O acessório faz o look. É uma opção incrível para o dia em que você está com preguiça fashion ou mesmo quando sente que está faltando algo em seu guarda-roupas. Colares, sapatos coloridos, bolsas estruturadas e divertidas têm esse poder de fazer o look versátil e são mais baratos que as roupas”, conclui.  

 Descubra o seu estilo

O autoconhecimento é a chave para muitas coisas de nossa vida e para escolher roupas ele é imprescindível. Camila diz que é importante conhecer o nosso corpo e ao fazer isso, entendemos o que fica melhor em nós.

“Conheça o seu tipo de corpo, o que fica ou não fica bem em você, entenda suas cores. Você vai economizar tempo por deixar de frequentar lojas que não tem peças que compõem o seu estilo, vai deixar de gastar em looks que não se encaixam e, como ganho, vai errar menos nas suas escolhas, então tudo o que você comprar, você vai usar”, explica.

Camila conclui dizendo que muitas vezes temos a sensação de estarmos economizando ao comprar peças baratas, quando na verdade não estamos. Afinal nem toda roupa que consideramos acessíveis se encaixam naquilo que realmente precisamos.